Ouvir Música: Uma Experiência de Emoções, uma Celebração da Liberdade

thumb-membro

Matilde Pais

Investigadora
"A música é uma experiência de emoções por si só, uma celebração da liberdade"

Publicado a 15 Outubro 2015 em Educação e Cultura

Resumo

Ouvir música parece ser banal. Mas se por um lado parece ser fácil ouvir música, por outro lado a experiência pode ser mais complexa do que parece. Neste contexto, este artigo aborda a experiência auditiva individual do compositor-intérprete e dos ouvintes participantes num estudo com o objectivo de identificar: 1. se há momentos semelhantes e relevantes, tanto para o compositor como para os ouvintes; 2. como é que esses momentos são interpretados.

Inicialmente, foram escolhidas duas peças musicais distintas no carácter e disponíveis online. O compositor-intérprete foi convidado a marcar e a explicar os momentos da música que considerava mais relevantes. Em seguida, os participantes foram convidados a fazer o mesmo de acordo com a sua escolha pessoal e a experiência vivida durante a audição. Assim, foi possível analisar os momentos em que os participantes marcavam os mesmos momentos que o compositor (análise quantitativa) e como ambos interpretavam esses momentos (análise qualitativa). Foi possível identificar alguns momentos coincidentes mas que variaram de acordo com o sexo, a formação musical e as raízes culturais dos participantes. Para além disso, algumas interpretações foram semelhantes entre o compositor e os participantes.

Participe na discussão

O Contraditório confere a todos os utilizadores o direito de acederem, rectificarem e eliminarem os respectivos dados pessoais. Os dados recolhidos destinam-se apenas à identificação do autor da mensagem.


Código de validação